uk flag

  COZINHALTERNATIVA  

tinymce.init({ selector: "textarea", formats: { bold: {inline: 'b'}, italic: {inline: 'i'} }, valid_elements: "b,i,b/strong,i/em" toolbar: "bold italic underline" });
cozinhAlternativa
Receitas veganas • Culinária simples

Raw Food

 

Eu conhecia a Raw Food somente por nome. Apos ler matérias muito interessantes sobre o tema iniciei uma pesquisa e também adotei parte da rotina Raw no meu dia a dia. Esse artigo tem como foco principal informar você sobre os princípios do estilo de vida Raw, algumas curiosidades e dicas para começar uma dieta Raw com o pé direito! Vamos desbravar? <3

 

Minha curiosidade veio através desta questão: “Como alguém pode se alimentar somente de alimentos crus?”

 

Ironicamente percebi que a minha questão para com o estilo de vida Raw era muito parecida com os questionamentos que eu recebia com relação à alimentação vegetariana estrita. Logo, se é possível viver bem e comer ~ muito ~ bem sem carne e todos os produtos de origem animal, é igualmente possível viver bem comendo Raw Food!

 

O que é Raw Food?

Raw Food em português significa comida crua. O princípio da Raw Food é essencialmente alimentar-se de comida crua ou cozida até no máximo 42º C. Além disso, na dieta Raw não entram alimentos industrializados, processados, refinados, congelados etc. A regra é: comida de verdade e pouco cozida.

A argumentação científica é a de que não submetendo os alimentos à altas temperaturas, todas as enzimas se mantém, auxiliando assim o processo de digestão e desintoxicação do corpo. Há também a informação de que o superaquecimento dos alimentos desnatura a maior parte das vitaminas. Até mesmo aquela sensação de peso e sonolência após uma refeição tem sido associada ao superaquecimento dos alimentos, pois é proveniente de uma alimentação pobre em enzimas e com baixo valor biológico ocasionando uma digestão mais dramática.

 

Benefícios da Raw Food

Estes são alguns benefícios confirmados por pessoas que adotaram a dieta Raw e listados nas diversas matérias que li.

 

  • Bem estar após as refeições;
  • Cabelo, pele e unhas mais fortes;
  • Sono saudável;
  • Perda de peso
  • Abdome menos inchado devido à desintoxicação

 

A Raw Food tem contraindicação?

Apesar de muito saudável a dieta Raw tem sim contraindicações. O grupo a seguir jamais deve adotar a prática Raw sem a supervisão de um profissional da área.

  • Crianças
  • Gestantes
  • Pessoas com histórico de baixa imunidade

 

* Vale o reforço: Não faça dieta sem a supervisão de um profissional de sua confiança. Hoje existem muitas dietas, muitas delas extremamentes agressivas e restritivas. Fazê-las de maneira solitária e negligente certamente vai colocar sua saúde em risco.

Qual a melhor maneira de adentrar no mundo Raw?

Eu sou do time não radical. Adotar um estilo de vida diferente, principalmente quando envolve alimentação exige bastante auto conhecimento e paciência. Deixo claro que esta é a minha maneira de pensar. Há pessoas que gostam de mudar abruptamente e estão super felizes com isso, maravilha!

Voltando ao método não radical, a seguir listo algumas estratégias interessantes para serem adotadas com parcimônia e que podem te deixar mais próximo da Raw Food:

 

  • Repense o consumo de produtos industrializados. Se você abre sua geladeira e vê mais vegetais do que caixinhas e saquinhos, saiba que esse é um ótimo sinal e pode significar que você tem um pé na Raw.
  • Faça smoothies com vegetais crus e veja como você se sente. Eles são super nutritivos e com uma pitada de criatividade eles podem ter um sabor incrível!
  • Aposte nas sobremesas e sorvetes a base de frutas! No meu caso, foi muito mais fácil criar doces Raw à comidas salgadas. Banana, polpa de coco e morangos batidos dão um belo sorvete por exemplo, o que te parece? <3
  • Aumente o consumo de frutas oleaginosas como castanhas, amêndoas e nozes. Eu sou fã das castanhas pois dão energia, tem um sabor que amo, possuem fibras e gorduras boas.
  • Lembre-se do macete “Comida de verdade”. Ele ajuda a identificar se sua refeição possui mais componentes industrializados ou mais vegetais. Uma boa transição pode ser incluir no seu prato todos os dias uma porção de algum vegetal cru ou cozido até 42º C como brócolis, cenoura, abobrinha etc.
  • Procure um profissional nutricionista ou médico se você deseja aderir à dieta Raw. É muito importante que você tenha suporte em uma transição alimentar. Dúvidas podem surgir ao longo do processo e é sempre bom ter com quem contar, tanto cientificamente quanto afetivamente.

 

VEJA AQUI ideias de quatro SMOOTHIES  deliciosos e super saudáveis! Comece agora mesmo sua rotina RAW!

 

Minha experiencia com a Raw Food

Eu nunca fui completamente 100% Raw. Mas, adotei algumas substituições e rotinas que melhoraram muito a minha qualidade de vida. Por exemplo: substituir o açúcar refinado industrializado por Sirup; Nao cozinhar demais os vegetais; Em algumas das refeições principais SEMPRE ter uma porcão de vegetais crus; Evitar produtos industrializados.

Essas dicas são simples e fáceis e você não precisa adotar todas elas de uma só vez. O mais importante e ver aquilo que melhor se encaixa no seu estilo de vida e rotina diária.

 

Esse artigo foi útil pra você? Deixe um comentário contando pra gente sua experiencia com a Raw Food! Historias, receitas, dicas são muito bem vindas <3

Conhece alguem que adoraria saber mais sobre a Raw Food? Compartilhe esse artigo  :)

Compartilhar este post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *